6 de jun de 2010

VAMOS LÁ BOTAR FOGO NO CANAVIAL!!!!

Atento para os caminhos que a capoeira está tomando, impulsionada por uma globalização cultural despreocupada com o respeito aos limites, além da falta de apoio por parte do governo estadual,os mestres do Forte Santo Antonio vem convidar a todos os praticantes de capoeira para uma reunião,no dia 12 de junho, às16:00,quando discutiremos qual a postura que, nós capoeiristas, deveremos tomar diante de situações que já conotam perda de identidade de uma manifestação que se confunde com a história do Brasil.
Apesar de estarmos em época de eleições, não pretendemos fazer apologia a nenhum partido político em específico, mas não abriremos mão da nossa posição social enquanto cidadãos e aproveitaremos o momento para refletirmos sobre direitos que,mesmo constitucionais, não têm sido respeitados como deveriam.Paradoxalmente,é na Bahia que a capoeira tem sido mais desrespeitada pelos poderes públicos apesar do reconhecimento do Sr. Governador Jaques Vagner, quando do seu discurso de posse,em 02/01/2007 de que"[...].Assim como os negros dançavam capoeira para enganar os feitores,parece que o povo baiano dançou capoeira perante os institutos de pesquisa".(D.O de 02/01/20070).
Dando suporte histórico à metáfora utilizada pelo Governador,o jornalista Albenísio Fonseca, em excelente artigo em A Tarde(17/11/2007), afirma que "[...a capoeira revela,nas gingas do seu microcosmo, formas de resistência aos opressores...]" e contribuo afirmando que outros elementos subjacentes ainda permanecem vivos.
Observemos que temos, agora, um inimigo em comum e que as nossas diferenças têm sido utilizadas pelo poder para justificar a indiferença para com os nossos problemas. Lembremos-nos do final que tiveram os mestres Bimba, Pastinha,Valdemar e outros que muito lutaram, física e politicamente, para que tivessemos o prazer de termos esta arte ainda viva.
Nessa mesma reunião será apresentada a minuta dos Estatutos da Associação dos Mestres de Capoeira Residentes e Amigos do Forte de Santo Antonio Além do Carmo-AMECAFORTE-, da qual sou presidente eleito.

ONDE: FORTE SANTO ANTONIO ALÉM DO CARMO
QUANDO: 12 de junho de 2010.
HORÁRIO: 16:00.

13 comentários:

  1. Boa sorte Mestre...

    Que este fogo, que vem do Forte com a força dos Mestre, se espalhe e desperte capoeiristas de bom coração.
    Espero que atue nas estratégias do Èké. Mostrando as sutilidades quase imperceptíveis, para a maioria, dos que os conduzem para a inversão dos remos. Estratégias históricas que se repetem todos os dias, anulando camaradas que outrora, juntos, remavam forte e concisos na mesma direção. Hoje porem, quase se anulam. Abraço a todos de luta.

    ESPERO O ACENDIMENTO DO PRIMEIRO FÓSFORO ATÉ A POSSÍVEL FUSÃO DAS VELAS.

    SÁUDE E PAZ A MESTRE MORAES, NOSSO CARO AMIGO.


    Walter Júnior - Grupo Capoeira Atitude - Ceará

    ResponderExcluir
  2. Ótima iniciativa, mestre Moraes!
    Será que nós, residentes de longe, poderiamos receber um resumo das discussões???
    Mesmo de longe queremos ficar a par de tudo e propagar...
    Vamos, sim, queimar tudo com fortes estalares das chamas desse fogo!

    Marcos Vinicius - Meninos de Angola-MS
    (campelo12@hotmail.com)

    ResponderExcluir
  3. Espero que essa reunião colha bons frutos para todos o que fazem parte das atividades com Capoeira no Forte Santo Antonio. Mestre Moraes, no mês de Novembro deste ano (12 a 15/11), estou programando uma viagem para Salvador e pretendo novamente lhe fazer uma visita. Estive em Dezembro de 2009 e pude participar da roda em 06/12/2009. Esse ano pretendo participar novamente das atividades no GCAP. O Mestre estará nesse período em Salvador?

    Abraços

    Edson Luis
    Fortaleza - Ceara
    (edsluis@hotmail.com)

    ResponderExcluir
  4. Bom Dia Mestre,sempre importante ressaltar a necessidade de nos organizarmos, acredito que devemos pressionar O Estado no que diz respeito a criação de verdadeiras politicas publicas em relação a capoeira e sobretudo a capoeira angola, CHega de Ações isoladas onde benecifia um ou outro grupo o que devemos Brigar é por politicas publicas.

    ResponderExcluir
  5. A estrada é longa, ladeira acima e cheia de pedras, mas se fosse fácil não teria graça.

    ResponderExcluir
  6. SEPPIR ignora apelo de negros: aprova Estatuto Demóstene (Reportagem do site Afropress)

    Brasília - Ignorando o apelo de mais de uma centena de entidades e organizações negras – inclusive das que fazem parte da base de apoio do Governo -, que queriam a retirada da pauta do Estatuto proposto pelo senador Demóstenes Torres (DEM-Goiás), o senador Paulo Paim – autor do projeto apresentado em 2.003 - e o ministro chefe da SEPPIR, Elói Ferreira de Araújo, preferiram o acordo com o DEM, abrindo mão de reivindicações consideradas essenciais para a população negra.
    Tanto Elói quanto Paim foram coadjuvados, durante todo o processo de negociação, pelo deputado Edson Santos (PT-RJ), que foi ministro chefe da SEPPIR até abril, que inclusive integrou a mesa dos trabalhos. Paim - que é autor de outros Estatutos - como o do idoso, nos quais não fez concessão - e Santos pretendem apresentar o Estatuto da Igualdade Racial como bandeiras nas suas respectivas campanhas pela reeleição em outubro - Paim para o Senado, pelo Rio Grande do Sul, e Edson Santos para a Câmara Federal, pelo Rio de Janeiro.

    Festa com Lula

    Segundo Afropress apurou, o passo seguinte é a realização de uma festa no Palácio do Planalto para a sanção do texto aprovado, pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Lula, segundo fontes na Esplanada, teria avalizado o acordo e encorajado os protagonistas a manterem o acertado com o DEM – apesar dos protestos de dezenas de entidades do Movimento Negro - inclusive da Coordenação Nacional de Entidades Negras (CONEN), articulação de ativistas ligados ao Partido dos Trabalhadores.

    ACM, Sarney...

    O projeto do senador Demóstenes foi aprovado, primeiro, por unanimidade pela Comissão de Justiça e Redação, no início da tarde e, depois, por acordo de partidos no plenário do Senado.
    Com o plenário lotado e a presença de ativistas que não puderam falar - mas cujos protestos podiam se ouvir, inclusive na transmissão pela TV Senado -, o senador Paim encerrou as manifestações favoráveis dos senadores, agradecendo a contribuição do senador Antonio Carlos Magalhães, morto em 2007, e da senadora e atual governadora do Maranhão, Roseana Sarney, ao Estatuto aprovado. Disse que o fazia por uma "questão de justiça".
    Aliás, José Sarney (PMDB-AP), o pai, o todo poderoso presidente do Senado (na foto, celebrando em seu gabinete com a direção da SEPPIR), tão logo o projeto foi aprovado por acordo partidário, celebrou a vitória. “Trata-se do resgate da maior dívida jamais paga".
    Na presença do ministro Elói Ferreira e de Paim, Sarney discursou. “Nossa identidade foi forjada pelo africano. Nossa alegria vem da África. A aprovação desse projeto é o resgate da maior dívida jamais paga, uma dívida que nunca resgatamos. A força, a alegria, a coragem do brasileiro vêm da África. Estou integrado nessa luta com alma e convicção. Vamos para a vitória”, pouco antes do anúncio do resultado.

    Campanha

    Paulo Paim, o autor do projeto original, que foi desfigurado pelo relator Demóstenes Torres, disse que Estatuto representa um avanço, apesar da supressão de pontos considerados fundamentais. Entre outros pontos suprimidos – além das cotas já aceitas em mais de 90 universidades públicas - está o capítulo inteiro que tratava da saúde da população negra, e a questão das terras de quilombos.
    “O estatuto tem um valor simbólico que ilumina o caminho dos que lutam pela igualdade de direitos e por ações afirmativas” - afirmou, acrescentando que o estatuto dará "conforto legal" para que se avance na busca da regulamentação das cotas raciais.

    Por: Redação - Fonte: Afropress: 16/6/2010
    http://www.afropress.com/noticiasLer.asp?id=2249

    ResponderExcluir
  7. Segue site com alguns esclarecimentos sobre o Estatuto da Igualdade Racial:
    http://g1.globo.com/brasil/noticia/2010/06/entenda-o-estatuto-da-igualdade-racial.html

    ResponderExcluir
  8. Sou capoeirista do Mexico. Ainda sou jovem na capoeira mas conheço a importância histórica da luta dos povos. Aquí no México, e acho que tambem em muitos lugares do mundo, os capoeiristas já no tem o sentido da luta pela liberdade que fez nascer a capoeira. Me é muito agradável saber que ainda há mestres que lutam por botar fogo nos canaviais.

    Lutaremos até acabar com a explotação do hommem pelo hommem.

    AXÉ MESTRE MORAES

    ResponderExcluir
  9. Mestre, to tentando achar teu email para mandar uma mensagem. Infelizmente nao pude comparecer (fisicamente!) no primeiro encontro pois estava com as criancas o que torna um pouco inviavel qualquer tipo de participacao em reunioes ja que nao tem como ficar parada com eles (principalmente o menor). E, estou ainda mais triste pq nao estarei aqui em Salvador na data da segunda reuniao. De qq forma, farei todo o esforco e planejamento para estar em todas as proximas, viu?
    Aproveito tambem para expressar aqui minha alegria por este movimento ter se iniciado.
    Com muito respeito sempre,
    Gege

    ResponderExcluir
  10. Mestre

    Senti falta das conclusões (resultados) do evento. É necessário saber o que ocorreu e quais os próximos passos.

    ResponderExcluir
  11. Mestre!


    Estamos a disposição nessa luta, pois é uma causa justa e revolucinária que vem se perpetuando a gerações.

    Núcleo do GCAP de São Luiz do Paraitinga
    Contra -Mestre David

    ResponderExcluir
  12. Mestre,

    Sou o Professor Marcos Paulo da Associacao Cultural de Capoeira Nativa de Minas Gerais.
    contatar por email, mas me parece que o endereco nao esta' ativo. Se for possivel, entre em contato comigo no email marcospaulo.camila@gmail.com assim que puder.

    Obrigado e fique com Deus.

    Prof Marcos Paulo

    ResponderExcluir
  13. ...a velha e longa busca pelo poder!!!!acredito que os opressores estão infiltrados ou travestidos de capoeiristas!

    ResponderExcluir

Ao deixar um comentário escreva seu nome e seu e-mail. Ajude-nos a fortalecer nossa rede de contatos!