8 de ago de 2009

Não estamos de brincadeira.

Caros companheiros,

Continua o desrespeito da SECULT ( Secretaria de Cultura do Estado da Bahia) para com os mestres de capoeira sediados no Forte Santo Antônio. Tal comportamento passa pelo não cumprimento de acordos firmados em reuniões entre o Sr. Magno Neto, enquanto representante da SECULT, e os mestres residentes. O Sr. Magno Neto tem tentado nos enganar representando uma falsa imparcialidade ao fazer de conta que está entendendo os nossos pleitos, mas de repente mostra para o que veio. Fui eleito representante dos mestres, com maioria dos votos, para compor a comissão que estruturará o quadro diretor do Forte da Capoeira, mas até agora não foi publicado no Diário Oficial do Estado a minha nomeação para que eu possa atuar como tal. Além de outros problemas que, claramente, conotam falta de seriedade na relação. Tentaremos marcar uma reunião extraordinária com o Sr. Magno para decidirmos por uma relação que prime pela seriedade. Insistimos em não querer acreditar que à SECULT, na pessoa do Sr. Magno, só interessa o conflito.

Mestre Moraes.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ao deixar um comentário escreva seu nome e seu e-mail. Ajude-nos a fortalecer nossa rede de contatos!